Fazendo a unha

Quando você se prepara para uma viagem dessas, você faz várias malas. Primeiro monta a mala ideal com tudo o que você gostaria de levar. Depois é preciso tirar. Tirar, tirar, tirar até chegar à mala que é possível trazer.

Nesse processo, eu tirei todos os esmaltes. Eles são pequenos, mas pesados. Acabei vindo sem nenhum e me arrependi. Você pode pensar, como eu, que aqui vai poder experimentar esmaltes diferentes, cores novas, uma pequena festa. Mas logo ao chegar eu descobri que isso só vai acontecer se você estiver disposta a pagar caro.

Os esmaltes razoáveis aqui custam entre 5 e 11 libras. E realmente não passa pela minha cabeça gastar R$ 15 reais em um esmalte. Muito menos R$ 33! E eu nem estou falando de Chanel ou Dior, porque esses estão na faixa das 20 libras (R$ 60).

Esmaltes Revlon na Boots

Prateleira de esmaltes Revlon na Boots; preço alto, poucas cores

Então minha primeira ida à Boots (a maior e mais variada rede de farmácias e perfumarias) foi decepcionante. Até agora, nesses dois meses aqui, acabei comprando só 4 esmaltes. Os dois melhores são da marca própria de beleza da Boots, a Nº 7. E mesmo eles, que eu só comprei porque usei vouchers de desconto, não se comparam aos nossos bons e velhos Coloramas e Impalas. São inferiores na qualidade, na textura, na durabilidade e principalmente na variedade de cores, extremamente limitada.

A maior quantidade de cores que eu encontrei até agora foi na Topshop. Alguns dos esmaltes parecem bem bonitos, mas eles custam 5 ou 6 libras. Não é nessa viagem que eu vou pagar para ver se são bons.

Esmaltes da Topshop

Prateleira de esmaltes da Topshop. Tentadora

Há também nas prateleiras de “nailcare” vários produtos para cutícula na faixa das 10 libras e muitas opções de removedores. O primeiro removedor que  testei, também feito pela Boots (a quantidade de produtos de marca própria aqui é grande), borrava o esmalte e manchava a mão inteira, um desastre. Já foi trocado por um bem melhor.

Fazer a mão ou o pé em salões aqui é luxo maior ainda. No salão mais perto de casa, um salãozinho de bairro simplezinho, a manicure sem mexer na cutícula custa R$ 30, tirando a cutícula sobe para R$ 51. Vi aqui salões exclusivos para manicure e pedicure, mas eles parecem sempre vazios em comparação com os do Brasil. Não à toa, é normal as inglesas manterem seus esmaltes mesmo depois que eles começam a descascar.

Onde comprar esmaltes:

Boots
Superdrug
Topshop